quinta-feira, 3 de março de 2011

Audácia no "auto-siamismo"...

Em Unificação II, a grande obra escolhida foi "Criação de Vênus" de Botticelli, em um recorte inteiramente restrito, dentre dezenas de milhares de outros pontos extraordinários da obra, um gesto único do auto toque transformado na mesma idéia do gesto "siames", onde neste caso, siamês de si mesmo. Como um segundo traço de interpretação, o observador neste poderá encontrar-se unificado e retido em si mesmo e não mais em outros obstáculos. O que também pode acontecer com a arte, ao sempre querermos encontrar respostas exatas aos nossos questionamentos quando na verdade todas as respostas estão em nós mesmo, ou simplesmente em nossos pincéis.

Um comentário:

  1. Achei a ideia interessantissima. Essa sua série é espetacular.

    ResponderExcluir